ALL AS A SERVICE

O mercado de serviços vem crescendo a cada ano, termos como SaaS estão se tornando cada vez mais comuns, eles representam o “as a service” e são explorados em todos os setores da indústria, como a da alimentação, música, infraestrutura, softwares e, no mundo dos negócios, com o CFO as service. Esse, focado em startups e empresas que necessitam modelar as operações financeiras e gerar uma eficiência e economia no

modelo, permitindo que os empreendedores se beneficiem de um recurso de qualidade

para o crescimento de seus negócio. Podemos dizer, assim, que existe uma enorme

tendência de vivermos em um mundo EaaS: everything as a service.

Conforme os anos avançam, é notável que a maneira de se consumir e se apropriar de facilidades, talvez, avance inúmeros anos à mais. As mudanças cada vez mais radicais e velozes nas tecnologias fazem com que os consumidores se deparem com ferramentas que facilitam muito o dia a dia. 


 Com a disseminação da tecnologia em nuvem - que nada mais é do que a junção de vários computadores que compartilham recursos de processamento, memória e disco,

surgiram diversos modelos de disponibilização de serviços em nuvem e que prometem

revolucionar cada dia mais.  A sigla IAAS, proveniente da frase em inglês "infrastructure as a service", refere-se a um modelo em que os recursos de nuvem são totalmente personalizáveis e configuráveis.


Seus principais exemplos seriam AWS, plataforma da gigante Amazon e seu concorrente

Google Cloud. O PAAS, por sua vez, refere-se ao modelo que engloba e disponibiliza plataformas para que possam ser desenvolvidas e implantadas soluções de tecnologia para a nuvem. A partir disso, as aplicações já possuem uma finalidade de utilização e devem ser a única preocupação. Seu principal exemplo seriam os serviços de hospedagem de sites.


Por fim, os SAAS também possui um propósito claro com foco em atender uma ou mais necessidades do utilizador. Ele é a camada onde a maioria dos usuários estão em contato com a nuvem alimentando, editando e visualizando informações de suma importância para a empresa. Seus principais exemplo vão desde a gestão empresarial com o Conta Azul até automações no marketing com o RD Station.


Além disso, para deixarmos uma curiosidade, você já ouviu falar em Real State As a

Service? Você imagina o impacto que ele pode trazer para as nossas vidas?


A TerraCotta Ventures divulgou um estudo e uma análise em cima de tendências de mercado e quais impactos elas podem trazer para a construção civil, Mercado Imobiliário e, claro, para o consumidor. A partir disso, entregaram uma reflexão sobre o futuro do mercado e entenderam que o mercado tradicional como conhecemos hoje não irá sumir repentinamente. Ainda haverá indivíduos que buscam contratos maiores, que desejam fazer investimentos mais tradicionais, ou que não enxergam valor na flexibilidade. Porém, esse público irá sendo reduzido, diminuindo o tamanho do mercado tradicional.

9 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo